Você Sabe o que é o Valor Efetivo Total (VET)

8 de abril de 2019

Uma sensação muito comum quando se realiza uma transação internacional é a de que está pagando mais do que deveria.

Esse é um sentimento muito ruim, pois, nos traz a percepção de prejuízo ou de que estamos sendo enganados. Isso já aconteceu com você?

O fato é que isso ocorre por conta do desconhecimento sobre o que está se pagando. Ou de como funciona o processo de cobrança.

Você está pensando em viajar a passeio ou a negócios e não quer passar esse aperto? Então, saiba que além do IOF tem outro termo que você já deveria conhecer. O VET!

Neste artigo vamos lhe mostrar o que é o Valor Efetivo Total. Assim como ele é calculado e também onde você poderá cotá-lo a um valor mais baixo para economizar em sua próxima viagem.
Economizar é sempre bom, não é! Então, vamos começar!

Mas, antes de vermos o valor efetivo total…

Você sabe o que é e para que serve o câmbio?

Em resumo, o câmbio é o termo que diz respeito à conversão de uma moeda em outra.
Assim, ele ajuda a estabelecer um parâmetro de valorização entre a economia de dois países. Dessa maneira, a transação comercial entre eles ficam muito mais fácil.

O Banco Central é a instituição que regula e monitora essa taxa aqui no Brasil.

Dessa forma, ele divulga abertamente esse dado todos os dias para que as demais instituições credenciadas a ele possam, assim, ter um parâmetro sobre o real valor da moeda.

Então, você verá adiante que o VET considera a taxa de câmbio como argumento importante para seu cálculo.

Mas o que é o valor efetivo total?

O Valor Efetivo Total (VET), é o valor que você irá pagar ou receber em uma operação de câmbio. Ou seja, quando você comprar ou vender dólares.

Este valor é uma taxa sobre cada unidade de moeda estrangeira. Vale lembrar que ele é apresentado em real!

Ela foi aprovada na Resolução N° 4.198, de 15 de março de 2013, pelo Conselho Monetário Nacional e integrada a responsabilidade do Banco Central do Brasil (BACEN), para ser o órgão regulador.

Seu cálculo é bem simples! Vamos lhe mostrar como ele é feito. A seguir, mostraremos uma maneira simples de você descobri-lo sem precisar esquentar a cabeça. Veja!

Como calculá-lo

Basta aplicar a seguinte equação:

VET = (( Valor da Compra x Taxa de Cambio) + IOF + Tarifa)
( Valor da Compra)

  • Valor da Compra – É a quantidade de moeda estrangeira que será comprada ou vendida;
  • Taxa de Câmbio – É o somatório do câmbio comercial e o custo da transferência feita;
  • Tarifa – É a taxa cobrada pelo operador para usar o sistema de transferência internacional;
  • IOF – Imposto sobre operações financeiras.

Como consultar seu Ranking

Como responsável pela regulação de todas as operações de câmbio realizadas pelas diversas instituições financeiras, o Banco Central disponibiliza ao usuário um Ranking do VET.

Nele é possível calcular automaticamente o quanto cada instituição irá lhe cobrar. E, assim, escolher aquela que tem o valor mais em conta.

Para usá-lo é bem fácil, basta você adicionar os seguintes informações na ferramenta:

  • O tipo de operação você deseja fazer (Transferência ou viagens internacionais);
  • Se você quer vender ou comprar a moeda;
  • Qual a moeda você vai comprar ou vender;
  • Qual o formato da transação (Cartão ou em espécie);
  • Valor.

Feito isso, ela irá calcular o VET cobrado por cada instituição financeira, listando todas as que são autorizadas pelo BACEN. Assim, você conseguirá escolher a que mais lhe agrade.

A grande maioria das pessoas não conhece esse recurso.

Conclusão

Agora você sabe como calcular o VET e buscar as instituições com custo mais barato na operação de câmbio. Dessa forma, você terá maior tranquilidade sobre o que você pagou o recebeu.

Gostou desse conteúdo, então ajude-nos a compartilhá-lo nas redes sociais!

Trade War Estados Unidos e China: O que ganhamos e o que perdemos?

3 de setembro de 2019

ver mais

Entenda a logística em Portos e Aeroportos – Importações e Exportações

16 de agosto de 2019

ver mais

Como importar maquinário da china?

12 de agosto de 2019

ver mais

Como funciona o processo de importação marítima?

22 de julho de 2019

ver mais